EDIÇÃO ATUAL

Guanambi . Bahia .
Você está aqui: Capa » Destaques » Projeto Amanhã capacita jovens rurais na área de atuação da Codevasf

Projeto Amanhã capacita jovens rurais na área de atuação da Codevasf

projeto_amanha_codevasf1

Corte e costura, produção de licores, apicultura, operação e manutenção de trator foram alguns dos temas tratados durante cursos promovidos pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) em sua área de atuação. As capacitações foram realizadas no primeiro semestre desse ano por meio do Projeto Amanhã, um programa social da Codevasf que tem por finalidade fomentar a organização e a qualificação de jovens rurais na faixa etária de 14 a 26 anos, matriculados em instituições de ensino formal, oportunizando-lhes preparação para obterem o primeiro emprego e atuarem em empreendimentos agropecuários e agroindustriais.

Em Minas Gerais, foi realizado curso na comunidade de Mocambinho, no município de Jaíba, em que foram capacitadas 20 pessoas em corte e costura, na área de produção de lingerie. O curso teve carga horária de 40 horas/aula e foi realizado em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar). Foi iniciado em julho de 2017, em parceria com a Associação Beneficente Projeto Canaã, em Janaúba, curso de corte e costura com carga horária de 160 horas. A capacitação, que deve ser concluída no segundo semestre de 2017, conta com 15 participantes.

projeto_amanha_codevasf2

No Oeste baiano, os municípios de Ibititá, Canarana, Irecê, João Dourado e Central foram atendidos com capacitações no segmento alimentício, com duração de 24 horas/aula cada, para 30 pessoas. De acordo com a coordenadora local do Projeto Amanhã, Roberta Almeida, foram ofertados cursos de produção de licor, por meio do qual foram ensinadas boas práticas de fabricação, técnicas para esterilização de garrafas e produção artesanal da bebida (nos sabores maracujá e pimenta) e também cursos de derivados de mandioca. Os participantes aprenderam receitas que utilizam a raiz como matéria-prima, tais como nhoque, escondidinho, torta, suco, pudim, sorvete, brigadeiro, biscoito e bolos.

Na Bahia, ainda foram realizadas cinco capacitações em apicultura básica nos municípios de Paratinga, Bom Jesus da Lapa e Serra do Ramalho, com duração de 16 horas cada, totalizando 83 capacitados no primeiro semestre.

Já em Sergipe, a apicultura também foi um tema que se destacou nas capacitações. Foram ofertados cursos de produção de pólen, com duração de 24 horas/aula, e alimentação para abelhas, com 8 horas/aula. Ambos ocorreram no município de Brejo Grande, em parceria com a Associação Brejograndense de Apicultura, e capacitaram 20 alunos. Os principais conteúdos abordados foram: produtos e equipamentos apícolas; biologia das abelhas; implantação de apiário, entre outros. A parte prática dos cursos se deram por meio de visitas técnicas a apiários e unidades de processamento de pólen.

projeto_amanha_codevasf3

Para o estudante José Ermício Ferreira, 18 anos, residente na localidade Brejão dos Meios, o curso de apicultura foi uma oportunidade de aprender novas informações sobre a área. “Eu sempre quis criar abelhas, beneficiar e vender os produtos. Então, tive a necessidade de me especializar mais em apicultura. O curso trouxe várias novidades, teve professores excelentes, enfim, foi muito produtivo”, destacou o participante. Segundo a coordenadora regional do Projeto Amanhã, Valdirene Nascimento, ainda para este ano, está programado um curso sobre captura de enxames.

Em Alagoas, a operação e a manutenção de trator agrícola e a regulagem de implementos, atividades fundamentais para o trabalho no campo, foram assuntos abordados em curso promovido no povoado Tapera de Itabaiana, no município de Porto Real de Colégio. Com duração de 60 horas/aula, a capacitação envolveu 15 participantes que aprenderam sobre normas de segurança, painel de instrumentos, problemas mais comuns, sistemas, motores, entre outros assuntos. No estado, o Projeto Amanhã deve realizar, ainda em 2017, quatro turmas de cursos de Informática Básica.

Comente esta matéria

O seu endereço de email não será publicado. Campos requeridos estão marcados *

*

Não serão publicados comentários com xingamentos e ofensas ou que incitem a intolerância ou o crime. Os comentários devem ser sobre o tema da matéria e sobre os comentários que surgirem. As mensagens que não atendam a essas normas serão deletadas. Os que transgredirem essas normas poderão ter interrompido seu acesso a este veículo.

Scroll To Top