EDIÇÃO ATUAL

Guanambi . Bahia .
Você está aqui: Capa » Destaques » Mestrado em gestão e regulação de recursos hídricos oferece 272 vagas no Brasil

Mestrado em gestão e regulação de recursos hídricos oferece 272 vagas no Brasil

ufba
Universidade Federal da Bahia (UFBA) Salvador, oferece 20 vagas

Até 29 de maio estarão abertas as inscrições para 272 vagas para mais uma turma do. As inscrições devem ser realizadas por meio do site da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP), campus de Ilha Solteira (SP), que é a instituição que coordena o mestrado. Este curso tem 24 meses de duração e possui tanto atividades presenciais quanto na modalidade de educação a distância (EaD).

Fomentado pela Agência Nacional de Águas (ANA) em 2015, o ProfÁgua tem como objetivo contribuir para a melhoria da gestão e regulação das águas do País. Este mestrado é voltado para profissionais que atuam em órgãos gestores de recursos hídricos nas esferas federal, estadual e municipal. Este programa também busca formar profissionais de agências de água, comitês de bacias hidrográficas ou conselhos de recursos hídricos, sendo que os trabalhos de conclusão deverão ter um caráter de conhecimento aplicado, podendo ser no formato de manuais operativos, relatórios técnicos, aplicativos, patentes, artigos, sistemas ou mesmo dissertações.

Nesse sentido, a ANA já investiu um pouco mais de R$ 6,5 milhões para o funcionamento do curso nos seus primeiros anos de existência, através da descentralização de recursos para a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), que avaliou o mestrado com a nota 4, a maior para novos cursos.

Os candidatos devem anexar os documentos listados no Edital ProfÁgua nº 01/2018 e pagar uma taxa de inscrição de R$ 68. Os interessados em concorrer deverão apresentar proposta de projeto de pesquisa que seja aderente a uma ou mais linhas de pesquisa do mestrado, que são as seguintes: regulação e governança de recursos Hídricos e instrumentos da Política de Recursos Hídricos. Além disso, o projeto deve seguir as regras do Edital ProfÁgua nº 01/2018.

A seleção também terá uma fase de análise dos currículos dos candidatos no formato da Plataforma Lattes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), que constituirá a prova de títulos do processo seletivo. Outros critérios de avaliação serão o currículo escolar da graduação, experiência profissional, experiência em pesquisa e extensão nos últimos cinco anos e capacitação em cursos de especialização ou extensão nos últimos dez anos.

Além da análise da proposta de projeto de pesquisa, os candidatos terão que fazer uma prova de conhecimentos específicos sobre gestão e regulação de recursos hídricos, sendo que as referências bibliográficas mínimas estão disponíveis no site da UNESP.

Segundo o cronograma da seleção, as inscrições serão homologadas em 6 de junho e o resultado após os recursos será divulgado em 15 de junho. A prova de conhecimentos específicos acontecerá em 30 de junho e o gabarito sairá em 2 de julho. O resultado após os recursos está previsto para 18 de julho. No caso da prova de títulos e das propostas de projetos de pesquisa, as notas serão divulgadas em 25 de julho e o resultado após os recursos sairá em 3 de agosto, mesmo dia em que será publicado o resultado final. As matrículas vão de 6 a 10 de agosto e as aulas começarão logo em seguida, em 13 de agosto.

Informações

Para mais informações sobre o processo seletivo do ProfÁgua os candidatos podem entrar em contato pelos  mails profagua@adm.feis.unesp.br ou profagua.central@gmail.com.

Vagas oferecidas por universidade:

INSTITUIÇÃO CAMPUS VAGAS E-MAIL
Universidade do Estado do Amazonas (UEA) Manaus (AM) 14 profaguauea@gmail.com
Universidade do Estado do Amazonas (UEA) Parintins (AM) 6 profaguaparintins@gmail.com
Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) Rio de Janeiro (RJ) 20 profaguauerj@gmail.com
Universidade Federal da Bahia (UFBA) Salvador (BA) 20 profaguaufba@gmail.com
Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) Sumé (PB) 20 profaguaufcg@gmail.com
Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) Vitória (ES) 12 profaguaufes@gmail.com
Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Recife (PE) 16 ufpeprofagua@gmail.com
Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) Porto Alegre (RS) 16 profaguaufrgs@gmail.com
Universidade Federal de Roraima (UFRR) Boa Vista (RR) 20 profaguaufrr@gmail.com
Universidade de Brasília (UnB) Planaltina (DF) 20 profaguaunb@gmail.com
Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT) Cuiabá (MT) 20 unematprofagua@gmail.com
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP) Ilha Solteira (SP) 28 profaguaunesp@gmail.com
Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI) Itabira (MG) 20 profaguaunifei@gmail.com
Universidade Federal de Rondônia (UNIR) Ji-Paraná (RO) 20 profaguaunir@gmail.com
Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTPR) Campo Mourão (PR) 20 profaguautfpr@gmail.com

Capacitação

Segundo a Lei nº 9.984/2000, que criou a ANA, cabe à instituição estimular a pesquisa e a capacitação de recursos humanos para a gestão de recursos hídricos. Por isso, a Agência oferece cursos continuamente para representantes de entidades que integram o Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos (SINGREH) e para a sociedade em geral. Desde 2000, a Agência já capacitou mais de 100 mil pessoas. Para saber mais, acesse o Portal Capacitação para a Gestão das Águas. A página oferece cursos gratuitos nas modalidades presencial, semipresencial e ensino a distância (EaD).

Com Informação: ASCOM Agência Nacional de Águas

Comente esta matéria

O seu endereço de email não será publicado. Campos requeridos estão marcados *

*

Não serão publicados comentários com xingamentos e ofensas ou que incitem a intolerância ou o crime. Os comentários devem ser sobre o tema da matéria e sobre os comentários que surgirem. As mensagens que não atendam a essas normas serão deletadas. Os que transgredirem essas normas poderão ter interrompido seu acesso a este veículo.

Scroll To Top