REVISTA DIGITAL

Guanambi . Bahia .


Você está aqui: Capa » Agronegócios » Exportações brasileiras de carne de frango crescem 14,9% em janeiro e somam 281,7 mil toneladas

Exportações brasileiras de carne de frango crescem 14,9% em janeiro e somam 281,7 mil toneladas

frango-carne-exportacao-agencia-noticias-parana

São Paulo, 6 de fevereiro de 2020 – As exportações brasileiras de carne de frango (considerando todos os produtos, entre in natura e processados) totalizaram 323,8 mil toneladas em janeiro, informa a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).  O número é 14,9% superior ao registrado no mesmo período de 2019, quando foram embarcadas 281,7 mil toneladas.

No mesmo período comparativo, o saldo das exportações em dólares cresceu 16,5%, alcançando US$ 529,1 milhões – contra US$ 454 milhões em janeiro de 2019.

“O mercado internacional segue pressionado, o que se reflete em preços maiores em relação ao registrado em 2019.   O mix de produtos enviado para mercados com maior valor agregado como Japão, China e União Europeia também favoreceram o desempenho mensal”, analisa Francisco Turra, presidente da ABPA.

Principal destino das exportações brasileiras (com 19,8% do total), a China importou 62,7 mil toneladas apenas no primeiro mês do ano, volume 87% superior ao alcançado no mesmo período de 2019, quando foram exportadas 33,6 mil toneladas.

Entre os principais destinos das exportações brasileiras, o Japão (com participação de 10,1% nas exportações) importou 31,9 mil toneladas, volume 17% maior na comparação com janeiro de 2019.  Outro mercado com bom desempenho no mês foi a União Europeia, cujas importações cresceram 22% segundo o mesmo comparativo, totalizando 18,1 mil toneladas.

“A variedade de mercados que encerraram o mês com fluxo em crescimento é um importante indicativo, em um ano que acena para resultados positivos nas exportações de carne de aves”, ressalta Ricardo Santin, diretor-executivo da ABPA.

SOBRE A ABPA – A ABPA é a maior associação de proteína animal do mundo. É a representação político-institucional da avicultura e da suinocultura do Brasil. Congrega mais de 140 empresas e entidades dos vários elos da avicultura e da suinocultura do Brasil, responsáveis por uma pauta exportadora superior a US$ 8 bilhões. Sob a tutela da ABPA está a gestão, em parceria com a Apex-Brasil, das três marcas setoriais das exportações brasileiras de aves, ovos e suínos: a Brazilian Chicken, Brazilian Egg e Brazilian Pork. Por meio de suas marcas setoriais, a ABPA promove ações especiais em mercados-alvo e divulga os diferenciais dos produtos avícolas e suinícolas do Brasil – como a qualidade, o status sanitário e a sustentabilidade da produção – e fomenta novos negócios para a cadeia exportadora de ovos e de carne de frangos e de suínos.

Fonte: Ascom | Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA)

Comente esta matéria

O seu endereço de email não será publicado. Campos requeridos estão marcados *

*

Não serão publicados comentários com xingamentos e ofensas ou que incitem a intolerância ou o crime. Os comentários devem ser sobre o tema da matéria e sobre os comentários que surgirem. As mensagens que não atendam a essas normas serão deletadas. Os que transgredirem essas normas poderão ter interrompido seu acesso a este veículo.

Scroll To Top