EDIÇÃO ATUAL

Guanambi . Bahia .
Você está aqui: Capa » Destaques » Paulo Guedes promete reduzir em 50% o preço do gás de cozinha

Paulo Guedes promete reduzir em 50% o preço do gás de cozinha

gás

Durante a Marcha dos Prefeitos, nesta terça-feira (9) em Brasília, o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que o governo federal pretende reduzir em 50% o preço do gás de cozinha.

Segundo o ministro, o monopólio do refino do produto e das companhias estaduais na distribuição é o culpado pelo alto preço do produto.

“Daqui a dois anos, o botijão vai chegar pela metade do preço na casa do trabalhador brasileiro. Vamos quebrar os monopólios e baixar o preço do gás e do petróleo”, afirmou.

O BTU (unidade de medida do gás) custa US$ 12 no Brasil, mas, segundo Guedes, custa US$ 7 no Japão e na Europa, que não produzem gás e importam o produto da Rússia. Nos Estados Unidos, país produtor, o BTU custa US$ 3.

Recursos do Pré-sal

O ministro afirmou ainda que a solução para a falta de recursos no país vem do petróleo, especificamente da exploração da camada do pré-sal. Guedes defendeu junto aos prefeitos a aprovação da reforma da Previdência, ressaltando que a reforma vai liberar recursos para os entes municipais.

“Todos já sabemos que a reforma da Previdência é importante também para municípios e estados”, afirmou.

O ministro disse ainda que o governo trabalha para unificar ainda este ano até cinco tributos e que se a mudança for efetivada a arrecadação será compartilhada com estados e municípios.

“Vamos baixar, simplificar, reduzir impostos para o Brasil crescer. É a reforma tributária. Primeiro, vamos pegar três, quatro, cinco impostos e fundir em um só. Vai chamar Imposto Único Federal”, disse Guedes, que não detalhou quais seriam os impostos unificados.

Comente esta matéria

O seu endereço de email não será publicado. Campos requeridos estão marcados *

*

Não serão publicados comentários com xingamentos e ofensas ou que incitem a intolerância ou o crime. Os comentários devem ser sobre o tema da matéria e sobre os comentários que surgirem. As mensagens que não atendam a essas normas serão deletadas. Os que transgredirem essas normas poderão ter interrompido seu acesso a este veículo.

Scroll To Top